O que é dermatite atópica? - Dr Salim

O que é dermatite atópica?

Ela é uma forma de alergia de pele extremamente comum e que acomete pacientes que têm outras alergias, principalmente rinite e asma. O quadro completo desse problema se caracteriza por coceira, que evolui cronicamente ou em crises recorrentes, história familiar e pessoal de alergia, pele seca e eczema (inflamação da pele). O eczema se caracteriza por pele espessada, ressecada e descamativa. Ele se localiza, geralmente, em braços, pernas, mãos, rosto e pescoço. Porém, cada indivíduo tem uma apresentação um pouco diferente e o local pode mudar com a idade.

A causa exata da dermatite é desconhecida, mas tudo indica que a doença é provocada por uma combinação de fatores genéticos e ambientais. Basicamente, os pacientes com eczema têm uma pele muito sensível, que reage de forma anormal a irritantes e alérgenos, levando a uma coceira intensa. Essa coceira leva a uma inflamação na pele que, por sua vez, provoca ainda mais coceira, causando um ciclo vicioso.

Várias substâncias foram identificadas como fatores que fazem a dermatite piorar, como poeira, suor, e contato com lã, animais domésticos e sabonetes. O estresse classicamente piora a doença, porém, ao contrário do que se imagina, não causa a dermatite. Fatores psicológicos interferem no seu curso, mas fatores genéticos desempenham um papel centra na sua causa.

Geralmente, os pacientes apresentam lesões avermelhadas, cuja localização varia de acordo com a idade, mas que são caracterizadas por muita coceira. As lesões podem ser ressecadas, com descamação importante, ou úmidas, nos casos agudos. Em crianças pequenas, as principais áreas acometidas são a face e o couro cabeludo, mas as lesões podem aparecer em qualquer local. Nas crianças maiores, as lesões não são tão avermelhadas e se manifestam principalmente nos punhos e dobras dos braços e das pernas. Nos adultos e adolescentes, elas aparecem principalmente nas mãos e nos pés.

A prevenção é o principal objetivo do tratamento. O paciente deve evitar coçar e esfregar as lesões. A aplicação de compressas frias ajuda a aliviar o quadro, e é extremamente importante o uso de cremes e loções hidratantes (sem perfume), para manter a pele lubrificada. Além disso, todos os fatores desencadeantes e irritantes devem ser afastados. Os anti-histamínicos podem ser usados para alívio da coceira, e os corticoides tópicos para diminuir o processo inflamatório. Uma nova linha de tratamento à base de medicamentos imunossupressores está ganhando espaço e tem se mostrado eficiente e com poucos efeitos colaterais.

É importante destacar que o indivíduo com dermatite atópica deve manter a pele sempre bem hidratada. Além disso, precisa evitar suar excessivamente, principalmente durante a fase aguda do quadro, e evitar o uso de roupas feitas de materiais irritativos, como a lã. O banho deve ser tomado com água morna, e ter duração máxima de cinco minutos. Usar sabonete neutro, apenas nas partes necessárias, e jamais utilizar buchas ou esponjas para lavar o corpo.

No próximo texto sobre o assunto, falaremos sobre dermatite de contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *