O que é Tireoide? - Dr Salim Médico de Família

O que é tireoide?

Saiba mais sobre essa glândula, suas funções e quais doenças ela pode apresentar.

A tireoide é uma pequena glândula de cerca de 30g de peso, de formato semelhante a uma gravata-borboleta, que fica situada na parte da frente do pescoço. Sua única função é de fabricar alguns hormônios que controlam o metabolismo. De uma forma simplificada, o metabolismo é a soma de todas as reações que ocorrem no nosso organismo, como, por exemplo, a quantidade de calor que fabricamos, a velocidade com que o coração bate e assim por diante.

O funcionamento da tireoide depende de um estímulo da hipófise (uma glândula minúscula situada na parte inferior do cérebro e que controla a atividade de diversas glândulas) e da ingesta (ingestão) de iodo na alimentação.

Basicamente, a tireoide pode apresentar alterações na sua forma, com aumento ou diminuição do seu tamanho e até mesmo nódulos e alterações na função, que pode ser um excesso ou uma diminuição e, por fim, inflamações. As doenças decorrentes de alterações na forma podem determinar aumento de volume da glândula, diminuição do volume ou se apresentar como nódulos.

Os aumentos de volume são chamados de bócios, termo que indica apenas que ela cresceu de tamanho. Eles podem ser difusos (toda a tireoide cresce), ou pode ser nodular, quando existem um ou vários nódulos.

Não se conhecem todas as causas, mas se sabe que a falta de iodo (que é uma matéria-prima para a fabricação de hormônios) leva a um aumento do tamanho da mesma. Isto ocorre em áreas do mundo onde há carência de iodo (em geral, regiões muito interioranas, longe do mar) e em todo o mundo existe a recomendação de que haja uma suplementação de iodo em algum alimento.

No Brasil, por lei, o sal para consumo humano é suplementado com iodo. Há causas genéticas da tireoide e também relacionadas a inflamações.

Já, a diminuição do volume da tireoide, em geral, ocorre em decorrência de uma inflamação crônica, ou como efeito secundário de algum tratamento. Na prática, este não é um problema verdadeiro, pois, por ser a tireoide pequena, é difícil diferenciar o tamanho normal do reduzido.

Em um próximo post sobre o assunto, falaremos especialmente sobre os nódulos na tireoide.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>