Por que temos dor de cabeça?

A dor de cabeça, tecnicamente chamada de cefaleia, é um dos grandes capítulos da medicina e existem diversas classificações, tipos e causas para o problema. “No dia a dia de um clínico-geral, por exemplo, são sintomas extremamente comuns”, explica Dr. Salim Médico de Família.

Segundo ele, do ponto de vista prático, dor de cabeça pode, inclusive, ser sintoma de AIDS. Se o indivíduo tem a doença com comprometimento neurológico, em termos de meningite, problemas relacionados ao parênquima, ao tecido cerebral, pode ser um sinal. Porém, ela costuma vir acompanhada de mais coisas. É importante destacar que não é porque a pessoa está com dor de cabeça, que ela tem AIDS. Outro problema que também pode ser sintoma de dor de cabeça é o tumor cerebral. “Mas normalmente não é o que acontece. Isso geralmente vem associado a algum sintoma neurológico e ocorre na minoria dos casos”, esclarece Dr. Salim.

A maioria das causas de dores de cabeça é por enxaqueca – uma cefaleia do tipo vascular recorrente, em que a pessoa nasce com uma tendência a tê-la. “Há mulheres que toda vez que vão menstruar têm enxaqueca. E muitos homens tomam bebida alcoólica, comem chocolate amargo ou algum tipo de embutido e ficam com dor de cabeça”, exemplifica Dr. Salim. Portanto, enxaqueca é uma das grandes causas do problema.

Além disso, hipertensão arterial é considerada um motivo. Por isso, se o indivíduo estiver com dor de cabeça, é necessário verificar se a pressão não está elevada. Alterações visuais e problemas de refração, como miopia, astigmatismo, hipermetropia também podem causá-la. “A pessoa não usa óculos, força a visão o dia inteiro e, à noite, passa a ter uma forte dor de cabeça. Não sabe o que é, vai a um monte de lugar e não percebe que isso começa sempre no final do dia. Quando deita e fecha os olhos para dormir, a dor desaparece imediatamente”, destaca Dr. Salim Médico de Família.

Problemas de sinusite, problemas respiratórios, tensão são outras das diversas causas da cefaleia. Enfim, existe um grande número de motivos para dor de cabeça e quem vai esclarecer isso é o médico. “Com uma boa história clínica, ver os antecedentes, caracterizando o tipo de dor de cabeça, para, a partir daí, tentar descrever e qualificar qual é o motivo da cefaleia, para mandar ao especialista ou fazer o tratamento adequado”, finaliza Dr. Salim.

dr salim assinaturafaixa assinatura Dr SalimDr. Salim

CRM-SP 43163

É conhecido também como médico da família. Formado em 1981, na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, concluindo residência dois anos depois, em 1983. Desde então, atua como clínico geral no Hospital Sírio Libanês, além de atender também em sua clínica privada.

faixa assinatura Dr Salim

1 Comentário

  1. Avatar

    eu. tenho. muita. dor. de. cabeça. todos. os. dia. do. meis queria. sáb. porque. já. fui. atra. de. muito. médico. ele. falar. que. estreze. mais. sou. uma. possoa. muito. c. calma. mai. queria. sáb. porque. esta. dor

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MANDE UMA MENSAGEM